Obra do Hospital Regional deve ser entregue em Outubro, mas ainda não há data para início de operação

A obra deve ser entregue neste mês de outubro.

Publicado em
Obra do Hospital Regional deve ser entregue em Outubro, mas ainda não há data para início de operação

Em construção desde março de 2017, o Hospital Regional de Três Lagoas vai atender pacientes do bolsão leste de Mato Grosso Sul e de acordo com informações da assessoria de imprensa da Secretária de Infraestrutura de Mato Grosso do Sul, a obra deve ser entregue neste mês de outubro.

Os atendimentos irão desafogar o Hospital Nossa Senhora Auxiliadora que é filantrópico, mas tem convênio com o município, Estado e União, para atender os pacientes do SUS.

O 5º Grupamento de Bombeiros Militares realizou nesta terça-feira (5) a vistoria técnica no Hospital Universitário de Três Lagoas, uma importante etapa do processo para que se inicie o funcionamento da unidade de saúde que irá atender a população do bolsão leste de Mato Grosso do Sul.

De acordo com informações oficiais, não foram encontradas irregularidades na edificação, sendo apenas orientado que seja realizado alguns ajustes técnicos de placas e sinalização, para se adequar ao padrão.

Construído em um terreno com área de 26,4 mil m², o prédio tem 15,6 mil m² e contará com blocos setorizados, 171 novos leitos com maternidade, oferecendo serviços de emergência e urgência, psiquiatria, diagnóstico, tomografia, ressonância magnética, raios-X e ultrassonografia. A estrutura contará com ambulatórios, leitos, centro cirúrgico, auditório, salas de aulas, laboratórios, esterilização e área técnica dos equipamentos de climatização do centro cirúrgico.

A unidade também terá salas pré-parto, parto e pós-parto; indução e recuperação de pacientes; observação pediátrica; observação paciente; observação psiquiátrica; UTI cirúrgica; UTI clínica; enfermarias; internação isolamento; semicrítico; preparo e recuperação pós anestésica e observação e recuperação do paciente.

Apesar da previsão de entrega da obra dentro deste mês, ainda não há definição da entidade que irá administrar o Hospital, e por isso ainda não existe uma data para entrar em operação.

Fonte: Informações da Assessoria de Comunicação

Deixe um comentário