Rua não foi interditada e paciente não está com suspeita de COVID-19; afirmou empresário

O empresário esclareceu que as informações divulgadas nas redes sociais não procedem

Publicado em
Rua não foi interditada e paciente não está com suspeita de COVID-19; afirmou empresário

TRÊS LAGOAS: Na noite deste domingo (05), muitas pessoas utilizaram as redes sociais para comentar sobre um caso em que uma idosa, que estaria com a COVID-19, foi removida em uma ambulância de uma casa de repouso na Rua Manoel Pedro de Campos, no bairro Nossa Senhora Aparecida.

Uma página de notícias também comentou o caso e chegou a publicar que a rua havia sido isolada durante o atendimento feito à idosa.

Como forma de esclarecer o fato, na manhã desta segunda-feira (06), a reportagem do site TL Notícias entrou em contato com o dono da casa de repouso.

O empresário esclareceu que as informações divulgadas nas redes sociais não procedem e que uma das ambulâncias da sua rede, realizou um simples transporte de uma paciente.

“Em nenhum momento a rua foi interditada e a paciente transportada não está ou até mesmo tem parentes com o coronavírus”, disse o empresário.

Ele também informou que há três semanas adotou medidas de prevenção para evitar supostos contágios da COVID-19. Uma delas foi a suspensão das visitas, devido os pacientes idosos estarem no grupo de risco.

“Adotamos ainda o sistema de videoconferência para que o familiar não tenha contato físico com os nossos pacientes”, finalizou o entrevistado.  

Fonte: Da Redação / Fotos: Facebook

 - Foto 1

Deixe um comentário