Arrendatário é multado em 450 mil reais pela PMA de Costa Rica por incêndio de 450 hectares em Chapadão do Sul

A equipe foi à noite ao local acompanhar a ocorrência e ficou até esta terça-feira (13) fazendo levantamentos da área afetada

Publicado em
Arrendatário é multado em 450 mil reais pela PMA de Costa Rica por incêndio de 450 hectares em Chapadão do Sul

Arrendatário de uma fazenda em Chapadão do Sul-MS, distante 325 Km de Três Lagoas, foi multado em R$ 450 mil pela PMA (Polícia Militar Ambiental) de Costa Rica, por causar incêndio em 450 hectares para limpeza de palhada grossa de lavoura.

De acordo com a PMA, a equipe trabalhava na operação Focus, quando foram acionados na noite de domingo, dia 11, em razão do incêndio provocado pelo arrendatário, no município de Chapadão do Sul.

A equipe foi à noite ao local acompanhar a ocorrência e ficou até esta terça-feira (13) fazendo levantamentos da área afetada.

O fogo que ganhou grandes proporções é resultado de uma queima que um arrendatário da fazenda realizou para limpeza de palhada grossa de lavoura que estava em leiras e apresentou uma licença ambiental para queimada controlada sem valor legal.

A licença não tem valor porque no Estado, neste período mais seco, a Portaria do IMASUL nº 797, de 24 de junho de 2020 suspendeu as Autorizações Ambientais de queima controlada pelo prazo de 180 dias. Além disso, um Decreto Federal também proibiu a queima controlada até novembro e o arrendatário sabia da suspensão.

Os policiais mediram a área queimada com uso de GPS que totalizou 450 hectares. As atividades foram interditadas na área e o homem, residente em Chapadão do Sul, foi autuado administrativamente e multado em R$ 450 mil.

Fonte: MS Todo Dia

00

Deixe um comentário