SEMEC de Três Lagoas alerta pais para urgência na matrícula de alunos com idade entre 4 e 17 anos

Segundo levantamento da Central de Matrícula, 127 estudantes estão designados para matrícula obrigatória.

Publicado em
SEMEC de Três Lagoas alerta pais para urgência na matrícula de alunos com idade entre 4 e 17 anos

Preocupada com a obrigatoriedade do ensino dos estudantes, com idade entre 4 a 17 anos, a Prefeitura de Três Lagoas, por meio da Secretaria Municipal de Educação e Cultura (SEMEC), convocou nesta quinta-feira (14), os pais e ou responsáveis que realizaram o cadastro/pré-matrícula de seus filhos e que ainda não efetivaram a matrícula que compareçam com a máxima urgência na Unidade Educacional designada para a realização da matricula do ano letivo do ano 2019.

De acordo com levantamento realizado pela Central de Matrícula, atualmente existem 127 estudantes designados para matrícula obrigatória e, no entanto, o responsável ainda não compareceu à Unidade Escolar para realizar a matrícula no ano escolar.

“As vagas para esses estudantes já foram provisionadas, disponibilizadas e agora cabe aos pais e ou responsáveis a efetivação da matrícula e o envio dos filhos à escola” – Angela Brito
Segundo levantamento feito pela Central de Matrícula, no Pré I existem 36 estudantes, no Pré II 13; 1º e 2º anos 11 cada; no 3º 14; 4º 20 e no 5º ano 22 alunos.

Ainda conforme a Central, a lista nominal dos alunos que ainda não efetuaram a matricula até a data de 14 de março de 2019 encontra-se disponível nos arquivos/registro online da SEMEC/Central de Matrícula.

PREOCUPAÇÃO

Segundo a diretora pedagógica e educacional, Angela Maria de Brito, “a Secretaria Municipal de Educação está preocupada com a educação dessas crianças e não só com o cumprimento da legislação vigente e com a aplicação de medidas disponíveis junto a Legislação Brasileira”, disse.

“Estamos alertando aos pais muito respeitosamente que a Constituição Federal de 1988 no artigo 208  diz que compete ao Estado/ Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Educação, a garantia do ensino fundamental (primeiro grau) obrigatório e gratuito, provendo vagas nas escolas” explicou.

Angela ressalta ainda que “as vagas para esses estudantes já foram provisionadas, disponibilizadas e agora cabe aos pais e ou responsáveis a efetivação da matrícula e o envio dos filhos à escola”, finalizou.

Fonte: Assessoria de Imprensa de Prefeitura de Três Lagoas

Deixe um comentário