Prefeitura de Ilha Solteira venderá 75 terrenos, com pagamento em até 60 parcelas

Os imóveis que serão colocados à venda estão localizados na Avenida XV de Outubro, na Avenida Marginal Oeste, na Avenida Brasil Sul

Publicado em
Prefeitura de Ilha Solteira venderá 75 terrenos, com pagamento em até 60 parcelas

Já tramita na Câmara de Ilha Solteira-SP, distante 60 Km de Três Lagoas, um projeto de Lei, onde a Prefeitura pede autorização para a venda de 75 imóveis, em diversas regiões do Município. Ainda não há prazo para a votação do documento.

A Câmara já havia autorizado a venda de vários imóveis, em Lei aprovada em 2016. A diferença é que, na época, o pagamento devia ser feito em 24 parcelas. Agora, novos imóveis foram incluídos e o pagamento poderá ser feito em até sessenta parcelas.

A Prefeitura justifica a mudança afirmando que, em 2016, a procura pelos imóveis foi baixa (apenas um vendido). “Este projeto apresenta melhores condições para aquisição desses imóveis ociosos”, disse o prefeito Otávio Gomes DEM), em ofício enviado à Câmara.

Os imóveis que serão colocados à venda estão localizados na Avenida XV de Outubro, na Avenida Marginal Oeste, na Avenida Brasil Sul e Norte, Rua Sete Quedas, Rua Machado de Assis, Rua Chuí, Alameda Itaipú, Alameda Santa Catarina, Alameda Rio Grande do Sul, Rua Araripe, Rua Quixadá, Rua Itapajé, Rua Mangabeira, Rua Rio Jari, Rua José P. Gregório, Rua Valdir Meleiro e Alameda 02.

Comprará o imóvel quem apresentar a maior proposta. Os valores variam de R$ 38 mil (o mais barato) e R$ 789 mil (o mais caro). Mas a maioria está orçado entre R$ 38 mil e R$ 44 mil.

Caso a Prefeitura consiga vender todos os imóveis, ela poderá arrecadar até R$ 9 milhões.

Fonte: Ilha de Notícias

Deixe um comentário