Municípios de MS têm sensação térmica de 50°C e umidade de 7%

Corumbá foi cidade mais quente, neste domingo; Na Capital, sensação térmica foi de 46°C

Publicado em
Municípios de MS têm sensação térmica de 50°C e umidade de 7%

Sensação térmica de 50°C e umidade relativa do ar abaixo de 10% deixou Mato Grosso do Sul com alerta de emergência, neste domingo.

De acordo com o meteorologista Natálio Abhaão, da Uniderp, 28 municípios registraram umidade igual ou abaixo de 14%, sendo que em seis locais o índice foi abaixo de 10%. O menor número, 7%, foi registrado em Amambai, distante 359 quilômetros de Campo Grande.

A maior máxima ocorreu em Corumbá com 40,6°C, com sensação térmica de 50°C, seguida de Coxim com 40,2°C e Três Lagoas com 40,4°C, com sensação de 49°C. A umidade relativa do ar variou entre 9% e 11%.

Na Capital, apesar do calor, a temperatura caiu um pouco em relação a outros dias da semana. A máxima ficou em 37,9°C com sensação de 46°C e umidade relativa do ar em 10%.

Ao longo da semana, as cidades registraram máximas semelhantes, batendo um recorde de temperatura atrás do outro. Há previsão de chuva no Estado apenas para depois do dia 20 de setembro.

Altas temperaturas e baixa umidade relativa do ar também foram registradas nas cidades Água Clara (39,9°C), Sonora (37,7°C); Ribas do Rio Pardo (38,7°C), São Gabriel do Oeste (36,7°C), Costa Rica (35,9°C), Ponta Porã (35,6°C) e Dourados (38,5°C).

Nesses municípios, a umidade relativa do ar vario entre 10% e 14%. De acordo com a OMS (Organização Mundial da Saúde), o nível ideal de umidade relativa do ar é entre 60 e 80%. Quando o índice aponta níveis abaixo de 20% à situação é considerada emergencial. Para evitar danos à saúde recomenda-se: Não pratique nenhum tipo de atividade física com exposição ao sol . 

Fonte: Campo Grande News

00

Deixe um comentário