Falsas médicas aplicam golpe em idosa no Santa Luzia e prejuízo ultrapassa R$ 3 mil

Duas mulheres passaram-se por médicas, na manhã da última sexta-feira (8), no bairro Santa Luzia de Três Lagoas (MS, quando vitimaram uma idosa de 79 anos. O golpe somou R$ 3,3 mil

Publicado em
Falsas médicas aplicam golpe em idosa no Santa Luzia e prejuízo ultrapassa R$ 3 mil

TRÊS LAGOAS (MS) - Vestidas de branco e circulando pelas ruas do bairro Santa Luzia em uma Van, duas mulher aplicaram um golpe em uma idosa de 79 anos, no valor de de R$ 3,3 mil.

As autoras suspeitas de estelionato apresentaram-se como médicas da Prefeitura.

O fato aconteceu, na avenida Angelina Tebet, próximo à paróquia Santa Luzia, por volta das 9h desta sexta-feira (8).

De acordo com a Polícia, a vitima estava em casa e por volta das 9h desta sexta-feira (8), quando duas mulheres trajando roupas brancas, apresentaram-se como médicas da Prefeitura e ofereceram serviços em saúde para pessoas de baixa renda.

Ao entrarem na residência da idosa de 79 anos, as falsas médicas utilizando um possível estetoscópio e outros aparelhos de uso médico simularam ainda, aferição de pressão arterial, entre outros procedimentos de saúde.

Ao final da falsa consulta, as suspeitas pediram o cartão bancário e a senha da idosa , alegando que teriam de apresentar tal documento da vítima à Prefeitura para que não houvesse, portanto, nenhuma cobrança em nome da vítima.

Ainda de acordo com o boletim policial, após os "procedimentos médicos", as suspeitas de estelionato saíram da residência da vítima e entraram em um veículo Van ou Kombi de cor branca.

Ao longo do dia, a vítima tomou conhecimento que duas compras tinham sido feitas como seu cartão , sendo uma no valor de R$ 1.500,00 e outra no valor de R$ 1.800,00 , ambas identificadas como Compra ELO.

Os prejuízos deixados pelas falsas médica alcançaram então, a soma de R$ 3,3 mil.

CARACTERÍSTICAS

Uma das suspeitas pelo estelionato é de cor parda, estatura mediana, magra, cabelo preto. A outra suspeita é descrita, no boletim de ocorrência como branca, estatura mediana e magra.

As autoras foram registradas por câmaras de segurança, instaladas no entorno da residência da vítima e, ao divulgar as características das falsas médicas, a Polícia Civil espera identificar e localizar as duas mulheres, contando também com o auxílio das denúncias.

DENÚNCIAS

A ação das falsas médicas foi tipificada como crime de estelionato e às investigações acontecem através da 1ª Delegacia de Polícia Civil de Três Lagoas, sob a coordenação do delegado de polícia, Dr. Messias Pires dos Santos Filho.

As denúncias sobre reconhecimento e localização das suspeitas podem ser feitas na 1ª Delegacia de Polícia Civil de Três Lagoas, localizada à rua joão Carrato, 3425, Jd. Morumbi I - Três Lagoas (MS). Fone: (67) 3919-1500 ou (67) 3919-1526.
 

Fonte: Da Redação com fotos da Polícia Civil

 - Foto 1
 - Foto 2

Deixe um comentário