Professor de Andradina esfaqueado revela a PM que foi um encontro

Posteriormente alterou sua versão dos fatos, relatou que conheceu um indivíduo de nome “Lucas” e que estava em um encontro com ele em sua residência quando por motivos pessoais (não revelado), ambos se desentenderam

Publicado em
Professor de Andradina esfaqueado revela a PM que foi um encontro

ANDRADINA-SP: O professor José Carlos Della Croce, 56 anos, que sofreu uma tentativa de homicídio na madrugada deste domingo (10), já está se recuperando em casa. O autor Lucas Alexandre Rodrigues Felício, 21 anos, foi preso pela Polícia Militar horas depois do crime que teve início com um encontro.

A reportagem apurou junto ao boletim de ocorrência da Polícia Civil, onde consta o seguinte teor; Lucas teria tentado matar José, sendo atingido na região da cabeça, mão, braço, costas, tórax e face. Apurou-se que os policiais foram acionados para atender inicialmente uma ocorrência de tentativa de roubo.

No local dos fatos rua João Miguel Loureiro, bairro Gasparelli, o localizaram em frente à casa todo lesionado pelo corpo e com perda de sangue.

ASSALTO

Em sua primeira versão o professor comentou que um indivíduo moreno desconhecido chamou pelo nome dele no portão da residência, e ele acreditando tratar-se de algum aluno ou ex-aluno, concedeu acesso, tão logo o indivíduo adentrou a propriedade e já teria o agredido com golpes de faca.

A VERDADE ‘FOI UM ENCONTRO’

Posteriormente alterou sua versão dos fatos, relatou que conheceu um indivíduo de nome “Lucas” e que estava em um encontro com ele em sua residência quando por motivos pessoais (não revelado), ambos se desentenderam e “Lucas” desferiu vários golpes de faca na vítima, tentando o matar e após luta corporal, o autor fugiu do imóvel.

O SOCORRO

Uma unidade de resgate do Corpo de Bombeiros o encaminhou para cuidados médicos ao pronto-socorro da UNIMED, onde permaneceu hospitalizado devido ao seu estado de saúde, o que impossibilitou o comparecimento na Delegacia Seccional.

CONVERSAS

O celular de Delacroce foi encontrado na casa, a própria vítima liberou a senha para que fosse obtido o acesso ao seu conteúdo, neste histórico da conversa demonstra o encontro marcado com Lucas que vai até a casa da vítima.

PRISÃO E DIÁLOGOS

O autor foi encontrado na casa de sua mãe, local onde mora, ele assumiu que esfaqueou a vítima, desferindo vários golpes de faca, disse ainda que há cerca de um mês vem conversando com Delacroce. Neste fatídico dia tiveram uma acalorada discussão que culminou nas graves agressões.

VERSÃO CONTRÁRIA

Consta no mesmo boletim de ocorrência que o professor confirmou a segunda versão narrada aos policiais militares, entretanto disse que conhece o autor há aproximadamente uma semana e na data do fato se encontraram.

Na tarde deste domingo, o professor enviou áudio aos alunos com o seguinte texto, informo a todos que o mesmo sofreu um assalto em sua residência, e devido a sua resistência está com alguns ferimentos, porém está bem e fora de perigo. Qualquer outra informação não faz jus a veracidade dos fatos.

CUSTÓDIA

A delegada Michelly da Silva Miliorini, manteve o autor preso à disposição da Justiça pelo crime embasado no artigo 121, motivo fútil. Ele agora aguarda audiência de custódia que ocorre nesta segunda-feira (11), onde a Justiça vai decidir se converte a prisão em preventiva para aguardar até julgamento preso ou se o coloca em liberdade para responder o processo.

Fonte: Paparazzi News

Deixe um comentário