11/12/2015 16h01 - Atualizado em 11/12/2015 16h01

SIG identifica o assassino de jovem morto após briga em casa de show


Por: Carol
 

Rafael Nunes de Oliveira, 22 anos, conhecido nos meios policiais como “Rafinha”, foi assassinado no dia 28 de novembro depois de se envolver em uma briga no interior de uma casa de shows localizada no bairro Jardim Alvorada e quando estava indo embora foi mortalmente atingido por disparos de arma de fogo.

Ao levantar a ficha de Rafael, contou que a vítima fatal possuía diversas passagens pela polícia pelos crimes de furto e foi colocado em liberdade em março do corrente ano.

Após o assassinato do jovem os policiais da SIG (Setor de Investigações Gerais) passaram a investigar o caso e nesta sexta-feira (11) divulgaram a imprensa que o acusado do homicídio se trata de A.R.V., 24 anos, conhecido como “chaveirinho” e que possui diversas passagens ela polícia pelos crimes de tráfico de drogas, furto, ameaça e receptação e atualmente se encontra foragido.

As investigações apontam que na noite do crime o autor teria siga agredido por Rafael no interior da casa de shows e após ambos serem colocados para fora pelos seguranças do local, a vítima foi embora e quando chegou às proximidades de sua casa notou que havia esquecido seu boné no clube.

Rafael voltou para a boate e quando estava retornando para casa foi alvejado por três disparos de arma de fogo e morreu no local.

(1) Comentário

Restam caracteres. * Obrigatório
Digite as 2 palavras abaixo separadas por um espaço.
 

Tem que mostrar o rosto deste foragido, para podermos ajudar ta foragido mesmo.

 
Fabio Senna em 11 de dezembro de 2015 às 18:05