16/04/2015 12h12 - Atualizado em 16/04/2015 12h12

Em uma ação rápida, acusados de sequestrar universitários são presos com carro roubado

O site TL Noticias foi o único órgão de imprensa em registrar o fato em tempo real

Por: Marco Campos com fotos de TL Noticias
 

A reportagem do site TL Noticias acompanhou desde às 09h30min desta quinta-feira (16) uma megaoperação da Polícia Militar de Três Lagoas que resultou na detenção de quatro pessoas que supostamente estão envolvidas com o crime de sequestro de um universitário de engenharia que ocorreu na noite desta quarta-feira (15) próximo a Faculdade AEMS, no bairro Jardim Alvorada.

Após uma equipe da Rádio patrulha ao receber informações que duas pessoas estariam trafegando com o carro roubado - Renault/Scenic de cor preta – pela Rua Egídio Thomé no bairro Interlagos, iniciaram diligências na região e observaram que os suspeitos teria tido acesso a Ruas Urias Ribeiro, na antiga “boiadeira”.

Em uma ação rápida, os policiais obtiveram êxito em abordar os suspeitos na Rua Manoel Faria Duque no bairro Jardim Maristela. Em uma abordagem perigosa e arriscada, a polícia apreendeu o motorista de 16 anos e o passageiro A.F de 19 anos.

Ao serem indagados sobre o veículo roubado, ambos disseram que teriam achado o carro no bairro Jupiá e que estariam seguindo no sentido bairro Jardim das Violetas para fumar maconha. A versão não convenceu os policiais foi quando os envolvidos resolveram colaborar com as investigações.

EM TROCA DE DROGAS

Os envolvidos revelaram que pegaram o carro pela manhã de algumas pessoas, entre eles a pessoa de “Danilo” que reside na Rua José Lopes Sejópolis no bairro Jardim Oiti e que já estariam saindo de viagem para Campo Grande-MS, onde o veículo seria trocado por drogas e pelo serviço do transporte, receberiam meio quilo de maconha.

Devido os suspeitos terem sido flagrados andando em ruas de menos movimento, a polícia acredita que a dupla estaria tentando pegar o acesso a BR-262 após “cortar” a região dos bairros Jardim Violetas e Imperial.

BUSCAS NA CASA DOS ASSALTANTES

A Polícia Militar com o apoio da equipe da ROTAI, Serviço Reservado (P2) e Trânsito, fizeram uma diligência até a rua indicada no bairro Jardim Oiti para tentar capturar os envolvidos no assalto. Ao chegarem na residência indicada, os policiais abordaram duas pessoas que estavam saindo da casa que seria averiguada.

Foram detidos para esclarecimentos, os jovens D.B de 23 anos e J.C de 21 anos que negaram a participação no crime de roubo contra o universitário.

Ambos disseram que residem em outro local, na Rua Etelvino Custódio de Queiroz e que apenas estavam saindo da casa após para conversar com seus amigos. O delegado da 3º Delegacia de Polícia Civil – onde o caso foi registrado – estará ouvindo os detidos para saber se eles possuem ou não envolvimento com o ocorrido.

Os principais suspeitos conseguiram escapar da casa e acredita-se que eles notaram a chegada da polícia no local. As investigações prosseguem para esclarecer o ocorrido.

(1) Comentário

Restam caracteres. * Obrigatório
Digite as 2 palavras abaixo separadas por um espaço.
 

Senta o dedo e elimina os pebas!!! Ninguém vai reclamar quando começar a fazer o limpa, é só fazer bem feito e alegar a boa e velha troca de tiros!! SENTA O AÇO NA VAGABUNDAGEM!!

 
Marcelo em 16 de abril de 2015 às 17:48