11/07/2017 16h33 - Atualizado em 11/07/2017 16h33

Fibria e MSGÁS firmam parceria para fornecimento de gás natural


Por: ASSECOM
 

A Fibria, empresa brasileira líder mundial na produção de celulose de eucalipto a partir de florestas plantadas, assinou hoje (11/07) um contrato com a MSGÁS (Companhia de Gás do Estado do Mato Grosso do Sul) para o fornecimento de gás natural para o funcionamento da segunda linha de produção de celulose da companhia em Três Lagoas (MS), com início de operação previsto para o próximo mês de setembro.

Com a assinatura da parceria, a MSGÁS irá fornecer mais 235 mil m³/dia de gás natural para a Fibria, além dos 159 mil m³/dia que são fornecidos, desde 2008, para a primeira linha de produção de celulose da empresa, já em operação.

"Essa parceria tem grande sinergia, pois demonstra todo o engajamento da Fibria para a inclusão das empresas do Mato Grosso do Sul na sua rede de fornecedores. Queremos fazer a diferença, estabelecendo os melhores padrões em nossos negócios e buscando a maior eficiência nas nossas operações", afirma o diretor industrial da Fibria, Paulo Silveira.

Para o diretor de suprimentos e logística da Fibria, Wellington Giacomin, o contrato entre a Fibria e a MSGÁS contribui para o desenvolvimento do Estado. "A Fibria observa em todas as suas parcerias a estratégia do valor compartilhado, ou seja, ao mesmo tempo em que aumentamos nossa competitividade, geramos benefícios sociais, ambientais e econômicos para as comunidades onde estamos presentes", diz Giacomin.

Criada em 1998, a Companhia de Gás do Estado do Mato Grosso do Sul (MSGÁS) tem a concessão, em todo o Estado, para executar serviços relativos à pesquisa tecnológica, exploração, produção, aquisição, armazenamento; produção e comercialização independente de energia elétrica e distribuição e comercialização de gás e/ou subprodutos e derivados.

"Estamos celebrando o maior contrato da história da MSGÁS. Acreditamos que essa parceria só vem a reforçar o papel da Fibria de grande protagonista, não só em consumo de gás, mas na promoção do desenvolvimento da cidade de Três Lagoas, consolidando sua posição de capital mundial da celulose. É um orgulho ter a Fibria como nosso cliente" afirma o Diretor Presidente da MSGÁS, Rudel Trindade Espindola Júnior.

O gás natural (GN) que será fornecido para a Fibria vem da Bolívia por meio do gasoduto Bolívia-Brasil. O gás será utilizado nos processos do Forno de Cal e Caldeira de Recuperação da segunda linha de produção de celulose da Fibria em Três Lagoas (MS), com entrada em operação prevista para setembro deste ano.

Sobre MSGÁS

Criada em 1998 para realizar a distribuição de gás natural no estado de Mato Grosso do Sul, a Companhia de Gás do Estado de Mato Grosso do Sul (MSGÁS) é uma empresa de economia mista onde Mato Grosso do Sul dispõe de 51% das ações e 49% pertence à Petrobras Gás S.A. (Gaspetro).

Desde a sua criação, a empresa vem ampliando o número de clientes e a rede de distribuição. Atualmente são 281,49 km de rede que atendem a Capital Campo Grande e o município de Três Lagoas, que concentra os maiores clientes industriais. A Companhia vem agregando ganhos e possibilitando oportunidade de desenvolvimento para Mato Grosso do Sul e o gás natural, por sua vez, conquistando seu espaço na economia.

Sobre a Fibria

Líder mundial na produção de celulose de eucalipto, a Fibria é uma empresa que procura atender, de forma sustentável, à crescente demanda global por produtos oriundos da floresta plantada.

Com capacidade produtiva de 5,3 milhões de toneladas anuais de celulose, a companhia conta com unidades industriais localizadas em Aracruz (ES), Jacareí (SP) e Três Lagoas (MS), além de Eunápolis (BA), onde mantém a Veracel em joint-operation com a Stora Enso.

A companhia possui 1,056 milhão de hectares de florestas, sendo 633 mil hectares de florestas plantadas, 364 mil hectares de áreas de preservação e de conservação ambiental e 59 mil hectares destinados a outros usos.

A celulose produzida pela Fibria é exportada para mais de 40 países. Em maio de 2015, a Fibria anunciou a expansão da unidade de Três Lagoas, que terá uma nova linha com capacidade produtiva de 1,95 milhão de toneladas de celulose por ano, e entra em operação no terceiro trimestre de 2017. Saiba mais em www.fibria.com.br